quarta-feira, março 18

Repensando um Currículo

O currículo, como referência para a constituição da escola como espaço de formação e ampliação de conhecimentos para cidadania deve, para tanto, não se limitar a conteúdos e programas. Este deve se voltar para cultura, humanização das experiências, a implementação de metodologias que levem o estudante a aprender a aprender, para continuar aprendendo num outro momento. Inserir nesse contexto os recursos oferecidos pela mídia, pela história da humanidade, pelos novos conhecimentos. Dessa forma concebemos o currículo como todas as experiências previstas para contextualizar os conhecimentos e as aprendizagens. Uma reflexão interessante nos propõe Vasconcellos (2002, p. 132), quando argumenta que na visão contemporânea, currículo deve ser entendido como "um caminho, uma jornada, que tem referências, mapas, mas sempre admite mudanças, atalhos, alterações significativas de rotas; daí advém o sabor da aventura do conhecimento. O caminho que efetivamente será percorrido dependerá, pois, dos sujeitos ( alunos/professores), do objeto de estudo e do contexto." Dessa forma, as reflexões para a reconstrução de um referencial curricular para Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio está em pauta, o desafio está posto e é nesse momento que o educador deve estar atento para embarcar, com isso, colocar seu posicionamento...
Vai nessa professor(a) não perca a carona!!!!

Um comentário:

Profª. Daniela G. Oliveira disse...

Oi amiga! Passa no meu blog que tem um selinho para vc.
Beijos! Dani