domingo, novembro 11

A leitura prazer

O hábito de leitura na escola tornou-se difícil de ser implantado de forma sistemática. A questão que se percebe é que nas salas de aula os jovens não conseguem interpretar enunciados mais complexos e não é porque sejam menos inteligentes e sim porque têm variados outros interesses e também porque a leitura da sala está reduzida a simples tarefas escolares. Eles não avançam na interpretação pela pouca experiência em leitura, isó é, deficiente conhecimento prévio, imprescindível para esse processo. Assim, não percebe o que está nas entrelinhas, deixadas pelo autor, para a possível construção leitora do estudante. Dessa forma comprometendo o seu desempenho na vida escolar. O que se sugere é que o educador comprometido com a transformação venha a refletir sobre a questão metodológica e encontre novos caminhos que segundo Solé ( 1998) no uso de estratégias para desenvolver o processo de construção do sentido do texto e ampliar o mundo do leitor.

3 comentários:

loi disse...

Gostaria de compartilhar boas idéias. Loi

loi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Béia disse...

Adorei! Muito legal...